POLISHOP

sábado, 28 de janeiro de 2012

Concepções de Sociedade nas Visões de Émile Durkheim, Karl Marx e Max Weber.




Émile Durkheim é considerado o sistematizador da sociologia, o mesmo defendia a teoria do funcionalismo da sociedade, isto é, ele via a sociedade como um corpo em funcionamento onde todos tem sua função e com a realização das funções individuais de cada componente o todo era concretizado. Seu objeto de estudo era o fato social, ou seja, todos os acontecimentos que se podem analisar. Durkheim em sua concepção acredita que o individuo é subordinado à sociedade, sendo ele agente passivo da maneira de vida imposta pela mesma, sempre defendendo o consenso e a ordem desacredita em transformações tornando-se assim um autor conservador, conformista.
As concepções de Karl Marx são inovadoras, pois trazem em si o desejo pela transformação da sociedade, ao contrário de Durkheim sua produção teórica baseava-se na negação do capitalismo, tendo como objetivo compreender a sociedade capitalista. Para Marx o individuo pode ser analisado separadamente, ele propõe a união entre teoria e prática. A sociologia passar a ser chamada de sociologia do conflito, pois divergia as opiniões anteriores, sua preocupação maior se dava com a sociedade trabalhista, industrial. Elaborou conceitos sobre modo de produção, mercadoria, trabalho, mais-valia e alienação. Sempre explicava a sociedade com base nesse contexto.
Diferente de Durkheim e Marx, Weber vê a sociedade como o resultado de várias interações entre indivíduos, sociedade é o que se veicula entre os indivíduos. Segundo Werber podemos ser analisados de forma individuais e todos os acontecimentos seguem uma intencionalidade de quem os causa. A sua sociologia é considerada compreensível, pois visa entender a ação individual de cada ser, o mundo é explicado pela racionalidade secular. Entre todas as visões citadas essa é a quem mais se assemelha a sociedade atual. Analisando as diferentes fases da sociedade percebemos a evolução do pensamento humano e somos de fato de acordo com Weber em acreditar na ação social onde toda ação tem seu objetivo. 

23 comentários:

  1. muito bom... bem o q precisava !!
    valeuu

    ResponderExcluir
  2. Por nada... Feliz em poder ajuda-los. Usem-o sempre que precisarem.

    ResponderExcluir
  3. meu foi perfeito isso

    ResponderExcluir
  4. Mauricio Costa, estou com um trabalho de faculdade para fazer sobre os conceitos de sociedade e achei o seu resumo maravilhoso, mas você poderia me informar quais são os livros que cada filosofo citou seu conceito? Ficaria agradecida se você pudesse fazer isso.

    ResponderExcluir
  5. Este meu resumo foi feito com base na leitura de um fascículo da minha faculdade e já faz 3 anos mais ou menos, o que poderia fazer seria enviar-lhe um e-mail com o fascículo que usei em anexo, talvez você possa encontrar as informações de modo mais preciso. Envie-me um e-mail se identificando que estarei providenciando. Obrigado pela visita!

    ResponderExcluir
  6. Amei, muito obrigada, tudo que eu precisava!!

    ResponderExcluir
  7. Valeu me ajudou muito

    ResponderExcluir
  8. Rapaz vc é bom no que faz.Tú poderias me ajudar?O que teria em comum Zigmunt Bauman com Durkhein.

    ResponderExcluir
  9. Muito bom, me ajudou a compreender as idéias dos clássicos.

    ResponderExcluir
  10. obrigado pela informacao muito disso

    ResponderExcluir
  11. Muito legal, me ajudou bastante com minhas dúvidas...!

    ResponderExcluir